Índios denunciam ataque a tiros durante a madrugada

NOSSAS REDES SOCIAIS
Instagram
Pinterest
Pinterest
Facebook
Facebook
LinkedIn
Email

Por LUANA RODRIGUES

Situação teria ocorrido em propriedade próxima a aldeia Bororó

Indígenas da etnia guarani-kaiowá teriam sido atacados a tiros por desconhecidos na madrugada de hoje (28), em Dourados.

De acordo com uma jovem de 19 anos, que pediu para não ser identificada, o ataque começou por volta das 4h e foi numa propriedade próxima a aldeia Bororó, onde os índios estavam acampados.

“Eles chegaram em três caminhonetes e um trator. Era muito homem. Derrubaram tudinho os barracos, levaram panelas, essas coisas. O que tinha de alimento eles cortaram e derramaram tudo no chão, o povo estava  fazendo chicha e eles derramaram tudo”, contou.

A jovem diz que aproximadamente 15 pessoas ficaram feridas, sendo duas por armas de fogo, que precisaram ser levadas para o hospital. Uma criança de 9 anos também teria sido atingida pelos tiros. “Eles já chegaram dando tiro na gente e não tinha pra onde correr. Era tiro com bala de verdade e bala de borracha pra todo lado. Eles só pararam quando a Polícia Militar chegou”, disse.

Procurada, a PM informou que esteve no local apenas para dar apoio ao Corpo de Bombeiros, no atendimento a uma vítima de disparo de arma de fogo. “A gente não sabe se foi uma retomada ou alguma outra situação. Ainda não consegui confirmar nem se a vítima, de fato, foi ferida por arma de fogo”, disse o comandante da PM, tenente-coronel Carlos Silva.

A reportagem também procurou a Polícia Federal, responsável pela segurança em casos envolvendo indígenas, mas a informação foi de que o delegado de plantão, que poderia prestar esclarecimentos, havia saído para votar.

INCÊNDIO

Na noite de ontem, trabalhadores sem-terra do acampamento Sebastião Bilhar, às margens da BR-262, próximo a Dois Irmãos do Buriti, também teriam sido atacados com um incêndio criminoso.

Conforme moradores do local, pelo menos, dois barracos foram danificados.

 

NOSSAS REDES SOCIAIS
Instagram
Pinterest
Pinterest
Facebook
Facebook
LinkedIn
Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Receba Novidades